Memorial Nova Franca: Cumprimento no seu propósito maior

646 0

“Gratidão é a palavra que define! Apesar do momento delicado, não há como negar que a cerimônia foi linda, muito obrigada por tudo! Todos os detalhes foram impressionantes e a atenção e o acolhimento de toda a equipe foram muito importantes para acalmar os corações da nossa família”. Foram com essas palavras que Márcia se despediu da cerimonialista, que a acompanhou durante todo o velório de seu marido, no mês de janeiro. Esse é um dos tantos depoimentos que a equipe da FUNERÁRIA NOVA FRANCA tem escutado em seu novo Memorial, inaugurado no começo de dezembro na Rua São Paulo, 1350.

Visitantes que passaram pelo MEMORIAL NOVA FRANCA, afirmam que a empresa realmente pensou nos mínimos detalhes para aflorar os sentimentos dos clientes que precisam se despedir dos seus entes queridos. Desde o estacionamento exclusivo para os clientes da Nova Franca, passando pela ampla fachada e pela área arejada da cafeteria, até os espaçosos salões do Memorial e às confortáveis salas velatórias, o cliente se sente abraçado e acolhido do início ao fim. Mas o final é que acaba sendo mais marcante. Já no conforto das salas climatizadas, os familiares recebem uma cerimônia de despedida acompanhada por música clássica no piano, e após as carinhosas palavras da cerimonialista que celebra o legado deixado pelo ente querido, a cerimônia é encerrada com uma chuva de pétalas que muito tem emocionado os familiares. “Eu nunca imaginei que pudesse realizar uma cerimônia dessa para a minha filha”, disse Rita, ainda muito emocionada, após realizar a despedida de sua filha.

O diretor administrativo Rafael Silveira afirma que o retorno dos clientes está sendo muito positivo, mas que foi necessário muita pesquisa e visitações para encontrarem o sucesso do Memorial. Juntamente com seu pai, José Roberto Alves Silveira, que está no ramo há 43 anos, eles visitaram 13 complexos velatórios por todo o interior de São Paulo para encontrar as melhores práticas do que era realizado. Toda a disposição do complexo, que unifica o atendimento funerário e a preparação do velório foram pensados de forma a agilizar o serviço e atender os familiares de forma mais eficiente, dessa forma a equipe está à disposição dos familiares 24 horas do início ao fim. “Toda a família se sentiu muita acolhida por todos, desde o momento em que pisamos no Memorial já vinha alguém nos oferecer ajuda e mostrar o caminho até à sala, direcionar os banheiros ou até mesmo ajudar a retirar café das máquinas. No encerramento estavam todos presentes, a cerimonialista que nos acompanhou, o pianista, o gerente que nos atendeu, a enfermeira que ficou à nossa disposição, e todos os outros funcionários que entraram de luvas brancas para realizarmos o cortejo até o cemitério. Realmente nos sentimos abraçados pela equipe”. Foram as palavras de Cláudia, alguns dias após realizar a cerimônia de despedida de sua mãe no Memorial Nova Franca.

Rafael ressalta que esse foi o intuito desde o princípio. Durante visita a outros velórios eles se atentavam a tudo aquilo que se destacava e que gerava valor aos outros velórios. Mas também perguntavam aqueles pontos que não deram certo, e certo e que os outros diretores funerários se arrependeram de ter feito. Mas afirma que não foi apenas isso. “Algumas pessoas me perguntam de onde tiramos a ideia da chuva de pétalas, e realmente não a encontramos em nenhum dos velórios visitados. Esse conceito foi encontrado em uma feira funerária através da exposição de uma empresa gaúcha. Meu pai e eu temos o hábito de frequentar as feiras do setor pelo menos uma vez no ano, sendo que já participamos até mesmo da maior feira funerária do mundo, que foi realizada em 2018 em Bologna, na Itália. Acreditamos que é graças a isso que conseguimos oxigenar boas ideias e continuar inovando constantemente no setor, comenta Rafael”.

Rafael afirma que a inovação faz parte do DNA da empresa, é algo que partiu de seu pai e que ele faz questão de manter vivo e enraizado dentro da cultura da empresa. “Lidamos com o momento de maior dor do ser humano, que é a perda de um ente querido. Portanto, precisamos cuidar desse momento de forma muito delicada, jamais seremos capazes de retirar a dor que cada um está enfrentando, mas somos capazes de amenizá-la, mudar o escopo do momento de perda para uma cerimônia de despedida digna, que honre o familiar por toda sua história e trajetória, lembrando o quanto ele foi amado e deixará saudades entre os seus. Ficamos muito contentes com a repercussão positiva que estamos encontrando até agora, afinal é este o propósito do Memorial Nova Franca, acolher os familiares que ficam de forma digna e humana, celebrando o legado daqueles que nos deixam de forma harmoniosa”.

O MEMORIAL NOVA FRANCA está aberto a visitação para todos que queiram conheca-lo na Rua São Paulo, 1350, Vila Aparecida. Consultoras de vendas estão lá à disposição, pois o Plano Ouro da Funerária Nova Franca oferece as Salas do Memorial GRATUITAS aos seus associados, e o atendimento funerário24horas. Lembrando que o prédio administrativo continua funcionando na Rua Monsenhor Rosa, 2272, Centro, onde também possuem consultoras de vendas à disposição, mas vale lembrar que lá o atendimento passa a ser em horário comercial, das 8h às 18h durante a semana, e das 8h às 12h aos sábados. Interessados podem também agendar a visita de uma consultora através do telefone (16) 3403-3000.