O dia da saudade

332 0

“Costumo chamar o dia de hoje (02/11) não de Finados, mas sim de Dia da Saudade. Finados remete ao fim, mas hoje celebramos quem se tornou eterno. O amor é que consegue eternizar alguém, pois só quem ama sente saudades.”
Nahor Lopes

O dia de Finados em 2021 teve um apelo diferente para grande parte da população. Até a publicação desta matéria, mais de 600 mil brasileiros perderam suas vidas em virtude do novo Coronavírus, e para essas mais de 600 mil famílias foi talvez a primeira oportunidade de homenagear seus familiares de forma adequada. Em virtude das restrições sanitárias e visando a contenção do contágio, não foi possível realizar os velórios de seus familiares, e a despedida nos cemitérios teve que ser breve e para poucas pessoas, sendo que em muitos casos eles não puderam nem mesmo receber um abraço para ajudar a confortar a perda de um ente querido. Felizmente os números estão sinalizando uma ampla melhora, com quase 60% da população totalmente vacinada e apresentando quedas constantes na média móvel de mortes, o brasileiro pode sonhar que estamos caminhando para o fim dessa pandemia que assombrou a vida de tantos brasileiros.

Pensando nesse momento conflitante de tristeza e de saudade, de melancolia e de esperança, a NOVA FRANCA ASSISTENCIA FAMILIAR resolveu também mudar o tom do evento realizado já há 10 anos nas portas dos cemitérios de Franca. O evento que era até então marcado pelos cuidados com a saúde com a presença de enfermeiras e fonoaudiólogas, além da distribuição de um botão de rosas

para os visitantes, a Nova Franca decidiu homenagear todos aqueles que partiram sem um adeus oportuno. No ano de 2021 a empresa levou um violinista e um saxofonista para tocarem na porta dos cemitérios acompanhados de duas anjas que distribuíam chocolates para os visitantes. A Nova Franca também distribuiu gratuitamente uma vela para que os familiares pudessem acender em homenagem às pessoas amadas. Todo esse trabalho foi uma forma singela de abraçar a população em tempos aonde o distanciamento ainda é recomendado.

“O verdadeiro túmulo dos mortos é o coração dos vivos.” Essa antiga passagem de Tácito exalta que todos aqueles que amamos permanecerão vivos em nossos corações, em nossas memórias e em nossas orações. Esse é um dos propósitos que a NOVA FRANCA ASSISTENCIA FAMILIAR acredita ao homenagear todos aqueles que se foram no dia de Finados, honrando suas histórias, suas trajetórias e seu legado. Além de acolher e cuidar daqueles que ficam, pois é inato do ser humano a necessidade de ser amparado, cuidado e notado. Felizmente esse propósito foi cumprido no último dia dois de novembro, muitos dos visitantes vieram agradecer esse trabalho social realizado pela empresa, agradecendo a homenagem e até se emocionando com a presença dos músicos.